Fauna

Fauna

Você sabia que o mico-estrela (ou sagui), tão presente na área do MoNa, é uma espécie exótica invasora?

Você sabia que o mico-estrela (ou sagui), tão presente na área do MoNa, é uma espécie exótica invasora?

O Monumento Natural dos Morros do Pão de Açúcar e da Urca, com seus 91,5 ha de mata atlântica, possui uma variada fauna, com ênfase na avifauna. Em sua vegetação típica de costões rochosos, cercada pelo mar e pela zona urbana, podemos encontrar répteis como o lagarto teiú e o calango; insetos como a borboleta-azul e a lavadeira-vermelha; mamíferos como o morcego, o gambá e o mico-estrela; anfíbios como a perereca-de-bromélias e a rã-das-pedras; e aves como o tiê-sangue, o beija-flor-de-fronte-violeta, a jacupemba o urubu-de-cabeça-preta, e o sabiá-laranjeira.

Veja a lista das principais espécies da fauna do Mona aqui:

Tiê-Sangue (Ramphocelus bresilius)

Crédito: Marcelo Andrade

Criaturas inegavelmente carismáticas, são responsáveis por um grave desequilíbrio ambiental. Com taxas reprodutivas altíssimas, os micos invadiram não só o MoNa, mas também todo o Estado do RJ, se tornando uma verdadeira praga.

Animais de hábito onívoro, eles comem frutas, sementes, seiva das árvores e insetos, até alimentos industrializados, mas infelizmente também fazem parte do seu cardápio os ovos e filhotes tanto das aves quanto dos répteis nativos do MoNa. Eles atacam os ninhos e colocam muitas espécies de aves em ameaça, consequentemente reduzindo a biodiversidade da região, já que as aves contribuem para o crescimento da floresta a partir da dispersão das sementes das espécies vegetais que ocorrem no MoNa. Neste cenário, oferecer alimento aos saguis é uma atitude totalmente irresponsável e antiecológica.

 

Além de todo o impacto ambiental, eles também podem transmitir doenças ao ser humano, como por exemplo, a raiva. Tome cuidado e seja responsável!

Galeria de fotos Fauna do Monumento Natural

Galeria de fotos Fauna do Monumento Natural

Gavião-carijó (R. magnirostris)
Fotógrafo: Márcio Rocha
Martin-pescador-grande (M. Torquata)
Fotógrafo: Plínio Senna
Tiê-sangue (Ramphocelus bresilius)
Fotógrafo: Marcelo Andrade
Caturrita (Myiopsitta monachus)
Fotógrafo: Plínio Senna
Rolinha-Rocha (Columbina talpacoti)
Fotógrafo: Marcelo Andrade
Tucano-de-bico-preto (R. Vitellinus)
Fotógrafo: Márcio Rocha
Tico-tico (Zonotrichia capensis)
Fotógrafo: Marcelo Andrade
Sabiá-branco (Turdos leucomelas)
Fotógrafo: Márcio Rocha
Garça-moura (Ardea cocoi)
Fotógrafo: Marcelo Andrade
Borboleta-azul (Morpho achilles)
Fotógrafo: Márcio Rocha
Jacupemba (Penelope superciliares)
Fotógrafo: Plínio Senna
Urubu-de-cabeça-preta (C. atratus)
Fotógrafo: Marcelo Andrade
Teiú (Tupinambis merianae)
Fotógrafo: Marcelo Andrade
ChoquinhaFlancoBranco (M. axillaris)
Fotógrafo: Luiza Forain
Cambaxirra (Troglodytes musculus)
Fotógrafo: Marco Aurélio Passos Louzada
Calango (Tropidurus torquatos)
Fotógrafo: Marcelo Andrade
Bico de Veludo (S. ruficapillus)
Fotógrafo: Marco Aurélio Passos Louzada
Maria Preta De Penacho (K. lophotes)
Fotógrafo: Adriano Salça
Caturrita (Myiopsitta monachus)
Fotógrafo: Plínio Senna
Jacupemba
Fotógrafo: Marco Aurélio Passos Louzada
Saí-azul (Dacnis Sayaca)
Fotógrafo: Marcelo Andrade
Andorinha-peq-casa (P. cyanoleuca)
Fotógrafo: Marcelo Andrade
Pula-pula(Brasileuterus culicivorus)
Fotógrafo: Marcelo Andrade
Corujinha-do-mato (M.choliba)
Fotógrafo: Marcelo Andrade
Gaturamo-verdadeiro (E.Violacea)
Fotógrafo: Marcelo Andrade
Pica-pau-anão-barrado (P. cirratus)
Fotógrafo: Marcelo Andrade
Mostrar Mais

© 2018 por Câmara Técnica de Comunicação do Monumento Natural dos Morros do Pão de Açúcar e Urca

Visite o MoNa:

Urca, Praia Vermelha, Rio de Janeiro - RJ

22291-060

Pica-pau-anão-barrado (P. cirratus)

Fotógrafo: Marcelo Andrade